Quer ser fotógrafo? Conheça os 5 termos essenciais da fotografia

Entender conceitos básicos pode ser fundamental na hora de desenvolver sua habilidade fotográfica. Confira a explicação de 5 termos essenciais da fotografia que O Pequeno Disparo preparou para você

1
Aprender alguns termos básicos da fotografia é essencial para fazer boas imagens

15 de junho de 2019 – Fotografia – Atualizada

Quem é apaixonado por fotografia sabe que há certos conceitos que envolvem essa área que podem ser um pouco confusos, principalmente quando a gente está começando. Ter um pouco de dificuldade em compreender alguns termos essenciais da fotografia é normal, mas entendê-los bem é muito importante para todos aqueles que curtem fotografar.

Por isso, que tal aprender agora os 5 conceitos fundamentais dessa arte? Continue acompanhando este artigo e aproveite nossas dicas!

1. Diafragma: medindo a luz com o conceito número um entre os termos essenciais da fotografia

Na fotografia, o diafragma é uma peça localizada na objetiva que regula a quantidade de luz que vai entrar na câmera. Os números de abertura do diafragma variam de um valor mínimo, que pode ser 1.8 ou 2.4, por exemplo, a um valor máximo, como o f. 22.

Esses valores dependem das características da lente utilizada e se referem precisamente à abertura da peça no momento do clique. Quanto maior essa abertura, representada por valores menores como o 1.8 exemplificado acima, mais luz entra na câmera.

O diafragma também se relaciona com a Profundidade de Campo. Quanto mais ele estiver aberto, menor é a área de foco na imagem.

2. Obturador: controlando a exposição

Já o obturador é um dispositivo que controla o tempo de exposição do sensor ou filme. É como uma cortina que, se aberta por um período grande, deixa entrar luz por mais horas. Seguindo esse raciocínio, se a cortina se abrir e se fechar muito rápido, a luz tem menos tempo para atingir o sensor.

O tempo de abertura do obturador  —  ou o tempo de exposição  — aparece normalmente no formato 1/x, no qual x é a fração de tempo em segundos. Exemplos: 1/8000s é uma velocidade rápida do obturador; 10 segundos, ao contrário, é relativamente maior, por isso o dispositivo consegue manter a cortina aberta por um período maior.

Velocidades menores permitem, por exemplo, a criação de imagens que registram o rastro de um movimento,  como o desenho das luzes dos faróis de carros que circulam à noite pela cidade. Uma velocidade rápida, ao contrário, congela o movimento.

3. ISO: usando a sensibilidade do sensor em relação à luz

Entender o funcionamento do ISO é muito importante para garantir a qualidade das suas fotos. Ele mede a sensibilidade do filme ou sensor em relação à luz. Quanto maior seu número, mais sensível é o suporte à iluminação.

Assim, em condições de pouca luminosidade, pode ser necessário aumentar o ISO para conseguir fazer a foto. Mas atenção: quanto maior o valor desse indicador, maior é também a chance de a foto apresentar ruído, termo que se refere a pontilhados na imagem que comprometem sua nitidez.

4. Balanço de branco: pensando a temperatura de cor

O balanço de branco está relacionado à temperatura de cor da imagem. Normalmente, pode-se selecionar a opção automática das câmeras, mas o recomendável é que o fotógrafo aprenda a fazer o balanço manualmente. Controlando essa opção, é possível garantir  que a foto apresente uma tonalidade fiel àquilo que se vê no visor.

Pode-se, também, optar por “esfriar” ou “aquecer” a imagem. Sabe quando a gente tira uma fotografia de pessoas dentro de casa e elas saem com a pele amarelada, por causa da luz de tungstênio? É aqui que se pode corrigir a tonalidade da pele dessas pessoas e de toda a cena.

5. Fotometria: medindo a luz

A fotometria está, na verdade, relacionada a todos os tópicos anteriores. As máquinas digitais apresentam o fotômetro, que é aquela régua que aparece no visor e que pode ser controlada no modo manual.

O meio da régua, normalmente indicado por uma seta, marca a exposição ideal. O fotógrafo deve mudar esse indicador justamente pensando na quantidade de luz que ele quer que chegue no sensor da câmera, a partir de alterações no diafragma, no obturador e no ISO.

E aí, curtiu a explicação desses 5 termos essenciais da fotografia? Ter a definição deles na ponta da língua e entendê-los na prática é fundamental para você se tornar um fotógrafo competente e antenado. Agora, é só praticar e compartilhar essas dicas nas suas redes sociais. Que tal? Boa sorte e mão na massa!

Não quer perder nenhuma dica de fotografia? Acesse e curta a fanpage do blog.

 

Anúncios

Foto sobre imigração nos EUA é eleita a melhor do ano

Vencedora do concurso World Press Photo retrata menina hondurenha aos prantos durante revista policial

untitled
Criança chora durante revista da polícia estadunidense em fotografia que ganhou o prêmio de foto do ano pela última edição do World Press Photo. Foto: JOHN MOORE/ GETTY IMAGES NORTH AMERICA/12-06-2018.

12 de abril de 2019 – Fotografia

O World Press Photo concedeu, nesta última quinta-feira (11), o prêmio de foto do ano à imagem que rodou o mundo de uma criança hondurenha aos prantos durante revista policial na fronteira dos Estados Unidos.

Por meio da fotografia, a criança de 2 anos, Yanela Sánches, e sua mãe, Sandra, tornaram-se ícones da imigração no governo Trump e estamparam a capa de jornais em todo o mundo. As duas foram detidas pela polícia ao cruzarem ilegalmente a fronteira com o México.

O trabalho é do fotógrafo John Moore, da companhia Getty. De acordo com o júri do concurso, o mérito da imagem está em representar a violência psicológica vivida pelos imigrantes que estão na ilegalidade.

Apesar de, segundo autoridades americanas, a família Sánches não estar dentro das estatísticas de imigrantes que foram separados de seus filhos, a imagem teve um apelo tão forte no cenário internacional que contribuiu para que o presidente americano revisse a política de imigração do país em junho do ano passado.

A fotografia foi escolhida entre mais de 78 mil concorrentes. O World Press Photo é uma organização fundada em Amsterdã que escolhe a melhor foto do ano desde 1955.

Gostou da dica? Então acesse e curta a fanpage do blog!