Cidade para quem?

“Apropriação da cidade” é tema de exposição fotográfica na histórica Ouro Preto 

Bounty (1)
Frase “A cidade é da humanidade, mas não é da comunidade”, que inspirou a exposição “A cidade além do centro histórico”, foi coberta de tinta amarela em muro do município  de Ouro Preto. Foto: © Ana Oliveira.

28 de novembro de 2017 – Fotografia 

Quem mora em alguma cidade histórica já deve ter tido a sensação de que o usufruto da cidade é mais para os turistas do que para os próprios moradores. Um grupo de artistas de Ouro Preto e Mariana problematiza a questão na exposição  ” A cidade além do centro histórico”, em cartaz até o dia 20 de dezembro no Grêmio Literário Tristão de Ataíde, o GLTA, em Ouro Preto.

IMG_2258
Fotos da exposição. Foto: © Ana Oliveira.
IMG_2260
Fotos da exposição. Foto: © Ana Oliveira.

Com curadoria do coletivo  “Fotógrafos em Ouro Preto”, a exposição foi inspirada na frase ” A cidade é da humanidade, mas não é da comunidade”, escrita em um muro do município. A frase faz referência ao título de Patrimônio Cultural da Humanidade que Ouro Preto ostenta desde 1980.

IMG_2265
Fotos da exposição. Foto: © Ana Oliveira.
IMG_2269
Fotos da exposição. Foto: © Ana Oliveira.

Nas fotos da exposição,  é possível conhecer uma perspectiva que se afasta da ideia de cidade histórica e se aproxima do real cotidiano das pessoas que vivem em Ouro Preto e Mariana.

IMG_2268
Fotos da exposição. Foto: © Ana Oliveira.

O Pequeno Disparo foi conferir a pichação que deu origem ao projeto fotográfico, mas a frase que estava estampada no muro de um campo de futebol da cidade foi coberta por uma camada de tinta amarela. Se o desabafo já não pode mais ser conferido naquele muro, ainda pode, ao menos até o dia 20 de dezembro, ser pensado e problematizado no casarão do GLTA, na Rua Paraná, nº 136, no centro de Ouro Preto.

A exposição ” A cidade além do centro histórico” é uma iniciativa da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) .

Serviço

A cidade além do centro histórico – Grêmio Literário Tristão de Ataíde (GLTA)

Data: até 20 de dezembro. Segunda à Sexta das 9h às 12h e das 14h às 18h. Sábado das 9h às 12h.

Local: Grêmio Literário Tristão de Ataíde (GLTA) – Rua Paraná, 136, Centro. Ouro Preto -Minas Gerais.

Entrada gratuita.

Não quer perder nenhuma dica de fotografia? Acesse e curta a fanpage do blog.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s